Câmara A+  
A-  
A 
Buscar no site:

Câmara debateu asfalto no Barra Mansa e Correios na Mata do Sino



Em 16/05/2016 - Câmara debateu asfalto no Barra Mansa e Correios na Mata do Sino

Conquista do asfalto para o bairro Barra Mansa e impasse com os Correios no Distrito da Mata do Sino. Estes foram os principais temas abordados pelos vereadores de Juruaia na reunião ordinária do Legislativo no dia 16 de maio.

ACIJU E CONSEP - Foi aprovado por unanimidade, projeto de Decreto Legislativo autorizando o presidente da Câmara a proceder a devolução de numerário ao Executivo no valor de R$ 25 mil. Por indicação dos vereadores, o valor deverá ser utilizado para subvencionar a Associação Comercial e Industrial de Juruaia (ACIJU) por ocasião da 19ª FELINJU - Moda e Lingerie de Juruaia. Respondendo questionamento do vereador Jaime Prado, o presidente Juraci Porfírio de Souza explicou que será devolvido o valor de R$ 15 mil para a Associação Comercial (em três parcelas mensais), com o restante a ser destinado para o CONSEP - Conselho de Segurança Pública.

INDICAÇÕES AO EXECUTIVO - O vereador Agnaldo Marques de Rezende solicitou a colocação de uma porta de vidro no Velório Municipal para proteger as pessoas com os transtornos causados pelo vento e o frio. Segundo ele, a situação é difícil, principalmente durante as noites.

Agnaldo também pediu providências de abertura dos “carreadores de café” e outras melhorias nas entradas das propriedades devido ao período de colheita do café. O vereador Antônio Carlos Gonçalves Marques também defendeu um atenção especial aos moradores da zona rural, principalmente neste período de colheita do café. O vereador Ademar Mazurega foi outro que destacou a necessidade de ação em prol dos moradores da zona rural. Lembrou requerimento de sua autoria encaminhado em reunião anterior.

ASFALTO NO BARRA MANSA - O vereador Esmael Alves da Trindade comunicou os moradores do bairro Barra Mansa que no dia 09/05, o vice-prefeito Rodrigo e vereador Edson estiveram em Belo Horizonte assinando o convênio do asfalto para o bairro, sendo que a administração aguarda a liberação dos recursos. “É um loteamento que começou mal feito, mas que não pode ficar abandonado”, disse. O vereador Antônio Carlos Gonçalves Marques também comentou a respeito da conquista do asfalto para o bairro Barra Mansa, gerando grande benefício para os moradores

O vereador também anunciou que nos próximos dias será feita a liberação das vigas da ponte da Palestina, sendo então possível a conclusão das obras. Por fim, ainda falou da conquista de outros convênios, sendo um deles no valor de R$ 75 mil, através do deputado estadual Gustavo Correia, para a aquisição de medicamentos.

PEDRAS - O vereador Toniel Alves da Trindade comentou a retirada de pedras em local próximo ao posto Barra Mansa, sendo que as pedras estão jogadas no canteiro. Para ele, as pedras devem ter destinação correta, pois vem causando transtornos na entrada da cidade e em local próximo a diversos estabelecimentos comerciais.

FALTA DE ÁGUA - O vereador Dorival Antônio da Silveira questionou a falta de água em loteamento, com reclamação por parte de moradores. Assim, pediu esclarecimentos por parte do colega vereador e loteador Agnaldo. Até porque as obras de infraestrutura são de responsabilidade do loteador.

Agnaldo Marques de Rezende informou que são duas caixas de água, sendo que uma de 50 mil litros já chegou, restando outra de 20 mil litros que já foi paga em 2012. Se não chegar até junho, conforme compromisso da empresa, providências serão tomadas e outra caixa de água será adquirida.

Jaime Prado lembrou que apresentou requerimento ao Executivo indagando sobre a situação de cada loteamento. Até mesmo para conhecer o trâmite legal e problemas em cada local, podendo esclarecer aos moradores. Porém, ainda não recebeu a resposta.

Dorival finalizou seu pronunciamento considerando que, se não fosse a “politicagem” existente no Brasil, já estaria inaugurada a unidade do PSF (Programa Saúde da Família) do bairro dos Gomes. O município conquistou recursos de R$ 200 mil, mas não houve a liberação até o momento porque Aécio Neves é do PSDB. “Eles brigam lá em cima e acaba complicando o pessoal aqui em baixo”, disse. No final, manifestou sua confiança na liberação de medicamentos para o município depois de sete meses de impasse junto ao governo estadual.

CORREIOS NA MATA DO SINO - O presidente Juraci Porfírio de Souza prestou esclarecimentos sobre o fechamento dos Correios no Distrito da Mata do Sino no dia 09 de maio. Contou que participou de reunião no dia 16/05, com uma funcionária dos Correios (Magna), juntamente com o prefeito Alvinho e vice-prefeito Rodrigo, com o objetivo de manter o serviço. Mas, de acordo com a funcionária, o serviço foi interrompido devido ao processo de reestruturação dos Correios em todo o Brasil, dado ao momento delicado do país e por informações insuficientes do IBGE que ainda não reconheceu a Mata do Sino como Distrito e nem atualizou o número populacional da localidade. O que, de acordo com os Correios, não justifica a continuidade do serviço e assim o mesmo foi interrompido. Preocupada e tentando manter esse serviço em funcionamento no Distrito, a administração municipal ofereceu a cessão de um funcionário e toda estrutura necessária aos Correios. Mesmo com esta oferta, os Correios ainda vão analisar a proposta e verificar a viabilidade da parceria. Assim, a administração municipal vai aguardar e continuar buscando outras maneiras para que o serviço não seja interrompido em definitivo.

Rebatendo números do IBGE em 2010 e defendendo a permanência dos Correios na Mata do Sino, Juraci relatou que a localidade tem duas urnas eleitorais (acima de 800 eleitores), velório, cemitério, unidade do PSF, creche (com mais de 80 crianças) e escola municipal com 115 alunos e 13 funcionários.

Fonte: A Folha regional


Galerias


Câmara debateu asfalto no Barra Mansa e Correios na Mata do Sino