Câmara A+  
A-  
A 
Buscar no site:

Noticias sobre a reunião de 05 de maio de 2014



Em 30/04/2014 - Noticias sobre a reunião de 05 de maio de 2014

Foram assuntos da reunião da Câmara de Juruaia no dia 05 de maio,  o apoio ao hospital Monsenhor Genésio. Destaque ainda para a realização da 17ª Feira de Lingerie e homenagem ao ex-Ministro Pimenta da Veiga. O presidente justificou as ausências na reunião dos vereadores Ademar Mazurega, Toniel Alves da Trindade e Juraci Porfírio de Souza.

COMÉRCIO AMBULANTE - Através de requerimento, o vereador Agnaldo Marques de Rezende (“Pachola” - PSC) solicitou a convocação do prefeito, vice-prefeito e a presidente da ACIJU - Associação Comercial e Industrial de Juruaia, para uma reunião especial para debater o comércio ambulante na cidade de Juruaia.

Agnaldo acrescentou que vem recebendo reclamações por parte do comércio local legalizado, sendo que há algum tempo vem pedindo a regularização do comércio ambulante. Segundo ele, está existindo abuso com o uso de calçadas e até as grades do galpão de festas. Para ele, a situação está semelhante a “Aparecida do Norte” com a venda de produtos em geral. Assim, acredita ser necessário um debate com a participação do Executivo e ACIJU, buscando uma solução para o problema e regularização deste tipo de comércio. Defendeu que os comércios legalizados pagam seus impostos e precisam de uma atenção a respeito.

O presidente Edson Joaquim Donizete da Silva (“Edson Ponte Preta” – PSD) apoiou a iniciativa, acrescentando que apenas 20% das empresas locais tem sede própria. Ou seja, o restante paga altos valores em aluguel. Por outro lado, os comerciantes ambulantes não pagam impostos e aluguel, ficando numa condição mais favorável.

O vereador Jaime Prado (PSC) também concordou com a iniciativa de um debate a respeito, buscando um ponto ideal para este tipo de comércio no município. Edson acrescentou que o comércio deve ocorrer em local apropriado e com o recolhimento do imposto devido ao município. Jaime afirmou que, continuando na mesma situação, o principal produto do município (a lingerie) também passará a ser vendida no comércio ambulante. Acredita que o assunto pode ser tratado até mesmo numa audiência pública com a participação da comunidade. Agnaldo concordou e acredita que até mesmo a lingerie poderá ser um produto prejudicado.

O vereador Antônio Carlos Gonçalves Marques (“Tal” - PSDB) foi direto a destacar a necessidade de proteção do comércio local legalizado. Até para evitar um aumento ainda maior do comércio ambulante na cidade. Paulo Pereira Alves (“Paulo do Roque” - PP) foi mais contido ao afirmar que todo cidadão tem direito ao trabalho. Porém, também defende a regularização da atividade.

REDUTORES DE VELOCIDADE - Através de requerimento, o vereador Jaime Prado Bardy (“Jaime Tikim” - PSC) solicitou o envio de ofício ao D.E.R reivindicando novamente a instalação de redutores de velocidade próximo ao Supermercado Econômico e Lanchonete Boate Azul na saída de Juruaia, sentido Muzambinho/Nova Resende. Lembrou que o mesmo ofício já foi enviado ao órgão, sendo necessário reforçar o pedido. Agnaldo chegou a cogitar um “redutor eletrônico”, com a arrecadação de multas para a prefeitura. Antônio Carlos manifestou que a apenas o redutor solucionaria o problema.

PIMENTA DA VEIGA E FELINJU - O vereador Antônio Carlos “Tal” comentou a abertura oficial da Felinju com a presença de vários deputados, além do Patrono Pimenta da Veiga. No seu pronunciamento, o pré-candidato ao governo de Minas firmou compromisso de execução do desvio no acesso à cidade onde são registrados muitos acidentes com caminhões. Também se comprometeu com a construção de um lago, sendo este um antigo projeto, além do apoio ao Hospital Monsenhor Genésio. O vereador ainda lembrou o Dia das Mães, no próximo domingo, parabenizando todas as mães juruaenses. Outros vereadores também lembraram a data, parabenizando as mães do município.

O vereador Esmael Alves da Trindade (“Maé” - PSDB) defendeu a valorização de Pimenta da Veiga, principalmente diante dos compromissos firmados. Reclamou dos debates sem resultados na Câmara, aconselhando que todos pensem no futuro de Juruaia. Também elogiou a realização da Feira de Lingerie, com bons resultados para todos os empresários locais. Falou com alegria da inauguração do novo Centro de Eventos, considerando um espaço maravilhoso.

O vereador Paulo Pereira também destacou a homenagem a Pimenta da Veiga, manifestando satisfação pela realização da Feira de Lingerie e elogiando o novo Centro de Eventos.

O vereador Agnaldo Marques desejou que Pimenta da Veiga realmente seja candidato ao governo de Minas e seja eleito. Isto porque ficou satisfeito com seu pronunciamento em apoio às professoras do estado. Para ele, a profissão é bastante árdua e não é remunerada conforme merecimento diante de tamanho sacrifício.

O presidente Edson agradeceu a todos pela presença na solenidade ocorrida na Câmara e abertura da Feira de Lingerie. Agradeceu a todos os deputados federais e estaduais que visitaram o município. Destacou a presença do ex-Ministro Pimenta da Veiga, lembrando compromissos firmados em prol do município. Por fim, agradeceu o empenho de todos os funcionários da prefeitura, empresários e ACIJU pela realização da feira. Agradeceu a Deus pelas oportunidades. “Acho que estamos morando num cantinho do céu”, finalizou.

PEDIDOS AO EXECUTIVO - O vereador Jaime Prado parabenizou os organizadores da Trilha da Roda Dura, evento realizado no dia 20 de abril, citando Divaldo Bueno, Adonis Marques, Marcos Trindade, Ricardo (do Corobó), Armando do Lázaro, Evandro Rezende, Daniel Piza e equipe Roda Dura. Segundo ele, o evento arrecadou R$ 5.780,00, valor doado integralmente ao Hospital Monsenhor Genésio.

Jaime ainda pediu uma atenção especial do Executivo, pois no mês de abril não foi feita a coleta do lixo nos bairros Macacos, Grama e Palestina. No bairro Barra Mansa, os moradores pedem a ampliação da coleta do lixo em todos os dias da semana. No mesmo bairro, os moradores reivindicam a construção de uma abrigo para atender os alunos.

MAIOR APOIO AO HOSPITAL - Jaime Prado também comentou que o Executivo contratou uma auditoria que atuou no hospital Monsenhor Genésio nos últimos três meses. A iniciativa teve por objetivo fazer um levantamento das despesas reais do pronto socorro municipal. O valor identificado ficou próximo a R$ 95 mil. Neste contexto, o município repassa em torno de R$ 58 mil/mês, sendo R$ 6 mil do Legislativo e o restante através do Executivo. “O hospital faz um favor muito grande para o Executivo, com uma diferença de R$ 38 mil/mês para custeio do pronto socorro”, disse. Segundo o vereador, a lei estabelece que o pronto socorro é uma responsabilidade da prefeitura. Acrescentou que existe entendimento para o Executivo repasse o dinheiro ao pronto socorro devido às dificuldades enfrentadas. “O hospital hoje trabalha da seguinte forma: anoitece hoje e não sabe se amanhece no outro dia por falta de recursos”. Acredita que o antigo problema será solucionado nos próximos dias.

O vereador Esmael Trindade “Maé” revelou que não entendia a situação do hospital “prestar um grande favor à prefeitura”. Porém, preferiu não alongar a discussão, informando que reunião aconteceu na semana, definindo o repasse de R$ 85 mil para o hospital, chegando a R$ 88 mil. Com isso, acredita que a iniciativa estará ajudando a diretoria da entidade.

O vereador Paulo Pereira usou o exemplo da família na administração do orçamento. Assim, entende que as dificuldades também ocorrem em outros setores como governo municipal e hospital. Defendeu maior ponderação e análise das situações, deixando de emitir críticas pesadas. Até porque os problemas nunca serão solucionados por completo.

FONTE: A Folha Regional - Ed. 1192